Resenha: Salve-me


O livro conta a história de Sadie Jo, uma mulher que perdeu sua mãe ainda criança, e que viveu a sua vida, um pouco solitária, na fazenda com o seu Pai, que, por sinal, não tinham uma relação muito boa. Ela tentava agrada-lo, se aproximar, e ter a sua aprovação, mas nada funcionava. Até que aos 18 anos resolveu fugir de casa e viver a sua vida em um outro lugar. Mas era uma nômade, vivia se mudando e nunca criava raízes.

Mesmo não gostando muito da sua cidade natal, ela ainda voltava de vez em quando para visitar o Pai, eram sempre visitas breves. Até que, recentemente, recebeu um convite para ser dama de honra no casamento de sua prima, que ela nem conhecia, mas não conseguiu dizer um "não" a tia.



E lá estava ela na estrada indo para Lovett (sua cidade natal), enquanto se passava um filme em sua cabeça de quando ela era criança, de sua mãe e de sua relação difícil com o seu Pai. Já fazia 3 anos que ela não ia visitá-lo, e dentro do carro estava inquieta, impaciente e ansiosa. Não tinha chegado ainda mas já estava com vontade de voltar.

Na estrada, já chegando perto da fazendo do Pai, Sadie avistou uma caminhonete no caminho. Vince, ex-oficial de uma equipe especial da Marinha dos Estados Unidos, estava indo para Lovett, porque sua tia queria fazer uma proposta para ele, e acabou ficando no "prego", mas Sadie parou para dar uma carona a ele.



É claro que, nesses livros de romances, é óbvio que eles vão ficar juntos, mas a história se torna interessante pela maneira como a relação deles vai se construindo. Sadie nunca teve sorte nos relacionamentos, sempre amava caras que não amavam ela. Já Vince é o tipo de homem que não gostava de se relacionar, dizia que ficava entendiado. Ambos não planejavam ficar em Lovett por muito tempo. Mas algo acontece e os dois tem a oportunidade de passar mais tempo juntos. Com o tempo eles se tornam amigos com benefícios. E é claro que essas coisas nunca dar certo, né? Com os seus conflitos pessoais os dois vão precisar um do outro para se salvar.

Em um capitulo você dar muitas gargalhas, já no outro a autora te faz chorar. A leitura é leve, e o livro tem apenas 272 páginas. Apesar de ser de romance não é nada meloso. Isso é o que me encanta nas histórias da Rachel Gibson, apesar de ter só lido 2 livros dela, mas já sou apaixonada.




Esse é um dos livros da Série incrível da Rachel Gibson. Junto com ele, o "Maluca por você" e o "Daisy está na cidade" passam na mesma cidade Lovett - Texas. Mas todos os livros, inclusive esses que eu citei, contam histórias individuais, cada volume narra a história de amor de um casal diferente. 


As histórias dela falam de amadurecimento, perdão, superação, amizade, família, recomeço e a compreensão do que é amar e ser amado. Até agora só li dois, mas quero todos. Tem aqui no blog a resenha do Sem clima para o amor, veja aqui


CONVERSATION