A peça que completa seu quebra-cabeça


A brincadeira é clássica e muitíssimo conhecida. Afinal, quem nunca gastou horas tentando finalizar um quebra-cabeça? Não vou negar, quando criança, esse era meu passatempo favorito. O jogo era simples, porém a dificuldade aumentava a medida que o número de peças crescia. Finalizá-lo era uma vitória para mim, visto que pelo fato de encaixar várias peças no lugar ao qual elas não pertenciam, acabava sempre frustrada por todo o tempo que havia perdido com tentativas erradas.

Por muito tempo minha vida não somente se assemelhou, como foi de fato um quebra-cabeça. Diversas vezes tentei preencher o vazio do meu coração com peças erradas, mas nenhuma funcionou, pois o sofisma somente parecia encaixar-se, mas não permanecia, visto que não era verdadeiro.

Em algumas situações errei feio ao tentar encaixar peças que nem ao menos possuíam o formato ou correspondiam a continuação da imagem em questão. Isso ocorreu quando tentei preencher meu coração com coisas e pessoas que não me faziam bem e nem combinavam comigo, o resultado foi a decepção. Já outras, confundi-me com verossimilhanças e precisei chegar quase ao fim do quebra-cabeça para notar que a peça apenas se assemelhava a correta, mas não encaixava de maneira ideal. Essa situação aconteceu quando preenchi meu coração com a religião e dediquei anos da minha vida cumprindo ordenanças que não passavam de doutrinas criadas por homens e não por Deus. Amei a religião, mas não conheci o Deus que ela pregava, então acabei ferida e sobrecarregada.

Cansada de tantos fracassos acabei guardando o meu coração (quebra-cabeça) em uma caixa e decidi que não mais o abriria, pois não havia maneiras de completar o vazio que sempre permanecia. Entretanto, um dia a secreta caixa foi aberta por um homem de voz doce e forte. O dono da voz dizia que aquele coração o pertencia e me convidava a confiar o que tanto me causava dor, à Ele. Senti tanta firmeza e convicção naquelas palavras que de alguma forma eu sabia que não havia mentiras nelas e que poderia depositar toda a minha confiança nele. Senti-me tão amada! Ah, eu lembro perfeitamente bem, era como se uma onda de amor tivesse invadido minha alma. Meu coração queimava ao som da voz mais apaixonante que eu já havia ouvido. Rendi-me então. Quase que imediatamente ele começou a desmontar todo aquele quebra-cabeça bagunçado, o que ocasionou-me imensa dor. Ele, porém, sorria e delicadamente colocava cada peça no lugar. Entretanto, quando o quebra-cabeça parecia estar acabado, notei que um espaço vazio ainda restava e então desmoronei em lágrimas ao pensar que nunca conseguiria sentir-me completa, pois faltava a peça mais importante. Percebendo meu medo, ele olhou profundamente para mim e abraçou-me com ternura. Imediatamente fui inundada por uma paz indescritível que só poderia vir de um Deus verdadeiro, do amado da minha alma. Então, diante dos meus olhos, ele tirou um pedaço do seu coração e moldou até transformá-lo em uma peça que encaixou perfeitamente no espaço em branco. Pensei que meu coração iria explodir de tanta alegria. Era a cena mais incrível que eu já havia presenciado. Finalmente, o tão sonhado quebra-cabeça estava completo.

Eu compreendi. A peça que faltava era Ele. ”Sou Jesus”, apresentou-se enquanto se aproximava para me envolver em seu abraço. Essa experiência mudou a minha vida para sempre e me fez entender que não importa o quanto tentamos encaixar uma peça, se ela não for a correta de maneira nenhuma vai completar o quebra-cabeça. Da mesma forma, somente o Espírito Santo pode completar o vazio que ocupa nosso coração, nada mais. O mesmo Espírito que ressuscitou Jesus dos mortos está vivo em você, esse é o seu valor. Não tente preencher o vazio com peças erradas. Você foi criado com um propósito muito grande em Deus e enquanto não se convencer desse fato nada fará sentido.

Jesus é a peça que completa você.

CONVERSATION

4 comentários:

  1. Que taalento! Adorei a escrita e a forma como você deixou transparecer a ideia do quebra-cabeça. Realmente não adianta tentarmos encaixar uma peça qualquer.
    Beijos.
    http://www.jardimdeprimavera.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi Thalita primeiro quero falar que o seu blog é lindo, até curti sua page.
    Esse texto então, maravilhoso, concordo com você, a vida só fez sentido pra mim quando deixei Jesus fazer parte dela e nunca mais mais me senti só ou com um vazio no peito, amei o seu post, parabéns!

    www.vanviroumodinha.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Nossa, o texto é simplesmente lindo! Me identifiquei muito! E o layout daqui é lindo, parabéns!

    Beijão!
    Boneca de Pano Rosa

    ResponderExcluir
  4. Meu Deus!! Que texto maravilhoso, tô apaixonadíssima.
    Paraaabéns!!

    Tudodiferentecomsamaralima.blogspot.com.br/
    Instagram - @samaralima_03

    FELIIIZ 2015! <3

    Um beijo! <3

    ResponderExcluir

Instagram

Segue aí!